Código de Trânsito Brasileiro completa 18 anos com aumento de 40% nas mortes no trânsito

209919-970x600-1

Desde 1997 a frota de automóveis em circulação no país cresceu 275%, enquanto as mortes decorrentes de acidentes de trânsito aumentaram 40%.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) completa 18 anos nesta sexta-feira, 22 de janeiro. Há exatamente 18 anos o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) entrava em vigor. A nova legislação trouxe várias regras para os motoristas do país, com o objetivo de reduzir os acidentes e mortes no trânsito. Para especialistas, no entanto, o mau comportamento do brasileiro no trânsito ainda é responsável pelo número de acidentes.

Dados do Denatran mostram que, desde que o CTB entrou em vigor até hoje, a frota de automóveis em circulação no país cresceu 275%, enquanto as mortes decorrentes de acidentes de trânsito aumentaram 40%.

Criado em setembro de 1997 e em vigor há 18 anos, desde 22 de janeiro de 1998, o CTB passa por constante atualização, por meio de resoluções. Entre elas,  estão a Lei Seca e a mais recente, que aumentou a punição para quem estaciona em vagas exclusivas sem autorização.

Saiba mais:

Código de Trânsito Brasileiro completa 18 anos (Portal Brasil, 21/01/16)

Em vigor há 18 anos, Código de Trânsito não contempla smartphones e aplicativos  (EBC, Agência Brasil, 22/01/16)

Motoristas imprudentes comprometem melhorias no trânsito, dizem especialistas ( EBC, Agência Brasil, 22/01/16)

Código do trânsito completa 18 anos com alta de 40% no número de mortes ( Bom dia Brasil, G1,  22/01/16)

 

This entry was posted in News and tagged . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s