SBAIT adere à Campanha do CFM de “Combate ao Desaparecimento de Crianças e Adolescentes”.

Imagem3

A SBAIT anuncia seu apoio à Campanha  de Combate ao desaparecimento de crianças e adolescentes, desenvolvida pelo Conselho Federal de Medicina. Especificamente no meio médico, a Campanha divulga recomendações para o reconhecimento de crianças e adolescentes desaparecidos, já que muitos deles em algum momento podem passar por atendimento em consultórios ou hospitais. A campanha também orienta a sociedade sobre como evitar e como proceder em caso de desaparecimento de um menor. O site oficial da Campanha traz todas as informações em detalhes.

Os números são expressivos e alarmantes:Imagem1

  • Todos os anos, mais de 200 mil pessoas desaparecem no Brasil.
  • No Brasil, são registrados em média 50 mil casos de desaparecimento de crianças e adolescentes por ano
  • O estado de São Paulo detém 25% desse número, representando o maior índice, seguido do Rio de Janeiro e dos estados do Nordeste

Nesse sentido,  no dia 17 de agosto (segunda-feira), será realizado no Auditório Vermelho da Prefeitura Municipal de Campinas (Avenida Anchieta nº 200), às 13h30,  um Ato Público – Mobilização para a Busca e Defesa da Criança Desaparecida, visando chamar atenção da sociedade, dos médicos e da imprensa para políticas públicas de enfrentamento ao desaparecimento de crianças e adolescentes. Todos membros da SBAIT estão convidados.

Como participar da Campanha:

Ao atender uma criança, fique atento aos seguintes procedimentos:

1 – Peça a documentação do acompanhante. A criança deve estar acompanhada dos pais, avós, irmão ou parente próximo. Caso contrário, pergunte se a pessoa tem autorização por escrito;

2-Procure conhecer os antecedentes da criança. Desconfie se o acompanhante fornecer informações desencontradas, contraditórias ou não souber as perguntas básicas;

3-Analise as atitudes da criança. Veja como ela se comporta com o acompanhante, se demonstra medo, choro ou aparência assustada;

4- Veja se existem marcas físicas de violência, como cortes, hematomas e grandes manchas vermelhas.

Materiais da Campanha:

Vídeo: Linkhttps://www.youtube.com/watch?v=Bh83mUl9Kek&feature=youtu.be

Folderdownloadhttp://www.flip3d.com.br/web/pub/cfm/index7/?numero=7

Imagem2

Folder Campanha

Para mais informações, o contato poderá ser feito pelo email criancasdesaparecidas@portalmedico.org.br

Sites de referência:

http://criancasdesaparecidas.org/

http://www.maesdase.org.br/

http://desaparecidos.gov.br/

This entry was posted in News and tagged . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s