Espaço do Trauma fica lotado durante toda a manhã no Cirurgia 2015

espaço do trauma

Espaço do Trauma recebe grande público

Congresso acontece em Curitiba até a próxima quarta-feira

Com uma ampla programação, o Espaço do Trauma, no XXXI Congresso Brasileiro de Cirurgia, esteve lotado durante toda a manhã de hoje. Elaborado pelo CBC (Colégío Brasileiro de Cirurgiões), em parceria com aSBAIT, o programa da Sala Tingui já teve duas mesas redondas e uma sessão interativa, com temas variados. O congresso é organizado pelo CBC e vai até o dia 5 de agosto, no ExpoUnimed, em Curitiba (PR).

A programação foi aberta logo às 8h, com a Mesa Redonda Controvérsias no Trauma Abdominal. Presidida pelo médico Savino Gasparini Neto, com moderação do vice-presidente da SBAIT, José Mauro da Silva Rodrigues, a Mesa discutiu Trauma Abdominal Fechado – Líquido Livre Isolado , com o médico José Cesar Assef, Trauma Contuso do Corpo do Pâncreas, com o médico Gustavo Peixoto Soares Miguel, e Trauma da Veia Porta, com o médico Bruno Vaz de Melo.

dr sandro

Dr Sandro Scarpelini, presidente da SBAIT durante apresentação

Na sequência, foi feita uma Sessão Interativa sobre Trauma de Tórax. O médico José Cruvinel Neto apresentou três casos a uma experiente mesa, composta pelos médicos Hamilton Petry de Souza, Tércio de Campos, Cleinaldo de Almeida Costa e Sandro Scarpelini, que também é presidente da SBAIT. O tema gerou uma grande discussão e a exposição de diversos pontos de vista, que enriqueceram o debate central.

O TNO (Tratamento Não Operatório) de lesões das vísceras abdominais foi tema da segunda Mesa Redonda do dia, que teve o médico Álvaro Bulhões da Silva Neto como presidente e o médico André Gusmão Cunha como moderador. Fábio Henrique de Carvalho, do Paraná, abordou o TNO em hospital menor com o cirurgião à distância e, logo em seguida, o médico Sizenando Vieira Starling, de Minas Gerais, falou sobre o tema Traumatizado que estabiliza após receber sangue: pode ser indicado o TNO?

diogo

Diogo Garcia (SP)

A Mesa sobre TNO também contou com a participação do médico Diogo Garcia, que falou sobre “Lesão Despercebida de intestino delgado no TNO: falha ou erro?”. O encerramento ficou por conta do médico Antônio Marttos, brasileiro que atua em Miami (EUA). Ele fez uma apresentação sobre quando a arteriografia deve ser indicada e quais as complicações da embolização.

No período da tarde, na sala Espaço do Trauma, ainda teremos uma conferência internacional, duas mesas redondas e mais uma sessão interativa. Além do Espaço do Trauma, o congresso tem outras 13 salas com programação simultânea sobre diversos tipos de cirurgia.

This entry was posted in News and tagged , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s